Esquadrilha da Fumaça

O Esquadrão de Demonstração Aérea, também conhecido como Esquadrilha da Fumaça, criado em 1952, é responsável pela divulgação da Força Aérea Brasileira (FAB) em território nacional e internacional.

Sua sede se localiza na Academia da Força Aérea (AFA), na cidade de Pirassununga.

Composta por 13 pilotos altamente treinados e capacitados operou por 30 anos com a aeronave T-27 Tucano, projetada e fabricada pela Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer).

A Esquadrilha da Fumaça representa a oportunidade para milhares de pessoas estabelecerem contato, de maneira emocionante e inesquecível, com a Força Aérea Brasileira, passando a respeitá-la e admirá-la pela capacidade dos profissionais que a representam.

Além dos pilotos, conta com uma equipe de graduados especialistas, responsáveis pela manutenção dos aviões, os “Anjos da Guarda”, que garantem a segurança, a eficiência e a disponibilidade das aeronaves.

Em 2013, o Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA) iniciou o processo de implantação do  A-29 Super Tucano, também fabricado pela Embraer. Mais moderna e compatível com o atual contexto tecnológico, a aeronave representa o início de uma nova era caracterizada pela inovação e pelo progresso.

Com o processo de implantação concluído, em julho de 2015 ocorreu a primeira demonstração aérea da instituição com o Super Tucano.

Reconhecida mundialmente, a Esquadrilha da Fumaça representa o Brasil nos principais eventos aeronáuticos, tendo demonstrado em diversos países: Alemanha, Argentina, Bolívia, Canadá, Chile, Colômbia, Egito, Equador, Estados Unidos, França, Guatemala, Guiana, Honduras, Inglaterra, Panamá, Paraguai, Peru, Portugal, República Dominicana, Suriname, Uruguai e Venezuela.

Diante do reconhecimento nacional e internacional, concretizou-se como instrumento de difusão da política de Comunicação Social do Comando da Aeronáutica, atingindo um lugar de destaque nos principais meios de comunicação dos países por onde passa.